Catanduva
13º min 24º max
 
 
ESPORTES SAÚDE E BEM-ESTAR POLÍCIA POLÍTICA CIDADES EDUCAÇÃO NOTÍCIAS
02/05/2013 - Atualizado em 02/05/2013
CPFL alerta população sobre os riscos de acidentes com a rede elétrica
O alerta se deve aos índices de acidentes fatais registrados no país, que têm se mantido altos nos últimos anos
Por Redação
 

A CPFL Paulista alerta sobre os perigos que a falta de cuidados ao executar trabalhos com aparelhos elétricos ou nas proximidades da rede elétrica pode oferecer. A maioria dos acidentes é provocada por falta de conhecimento ou desatenção de quem está utilizando a energia elétrica ou trabalhando próximo à rede de eletricidade. Aplicando os mínimos cuidados de segurança, os riscos poderão ser minimizados ou até mesmo eliminados.

 

O alerta se deve aos índices de acidentes fatais registrados no país, que têm se mantido altos nos últimos anos. Segundo dados da Abradee, em 2009 foram registradas 295 mortes, em 2010 esse número aumentou para 305. Em 2011, 315 pessoas perderam a vida, no Brasil, em virtude de acidentes elétricos.

 

Não são raras as ocorrências de acidentes envolvendo principalmente os profissionais da construção civil, antenistas e pintores que, no exercício de suas funções, são vítimas de choque elétrico por se aproximarem da rede energizada. Em muitos casos, não é preciso nem encostar-se à rede para sofrer descarga elétrica. Os trabalhadores rurais também estão no grupo de risco, principalmente aqueles que trabalham com equipamentos de aplicação de defensivos agrícolas, ceifadeiras, colheitadeiras ou pás-carregadeiras e não observam a aproximação dos equipamentos da rede elétrica.

 

O alerta também envolve crianças, donas de casas e empregadas domésticas. “É preciso respeitar rigorosamente as recomendações de segurança. A adoção de cuidados especiais no uso da energia elétrica pode evitar acidentes”, afirma Luiz Carlos de Miranda Júnior, Gerente de Segurança, Saúde e Qualidade de Vida da CPFL Energia.

 

Anualmente a empresa realiza palestras em eventos para trabalhadores da construção civil devido ao alto índice de acidentes do setor. Realiza também a Semana Externa de Prevenção de Acidentes de origem elétrica - SEPAE promovendo para os clientes e a população o espírito prevencionista, a conscientização sobre o perigo e os riscos e promovendo a educação com dicas e atitudes seguras. Além disso, realizamos a distribuição de material impresso com orientações sobre como proceder com segurança em atividades ligadas à construção ou manutenção predial, dentro de casa e outras próximas à rede elétrica, situações onde acontece a maior parte dos acidentes. “A CPFL também faz campanhas através da própria conta de luz e promove palestras em escolas para orientar as crianças”, explica Miranda Jr.

 

Orientações quanto à prática segura de atividades próximas à rede elétrica

 

Segurança com antenas

·         Quando houver rede elétrica nas proximidades, a instalação de antena deve ser efetuada por profissional qualificado e experiente.

·         Nunca instale a antena próxima a para-raios, nem interligue o cabo da antena aos condutores elétricos.

·         Jamais arremesse o cabo utilizado para ligações de antenas sobre a rede elétrica, mesmo que este seja encapado, pois a capacidade de isolamento do cabo não é suficiente para evitar a passagem da eletricidade existente nas redes elétricas.

·         Marquises de edifícios comerciais ou residenciais jamais devem servir para instalação de antenas devido a proximidade das redes elétricas.

·         Ao manusear a haste da antena de TV, a pessoa não deve se aproximar ou tocar na rede elétrica.

·         Instalar a antena o mais longe possível da rede elétrica. Preferencialmente do lado oposto ao da fiação.

 

Como soltar pipas com segurança

·         A CPFL Paulista orienta sobre a forma mais segura de praticar a brincadeira.

·         Pipas devem ser empinadas longe de rede elétrica e de preferência em espaços abertos como praças, parques e campos de futebol. Isso evita interferências na qualidade do fornecimento de energia elétrica, serviço telefônicos e em antenas;

·         A utilização de “rabiolas” deve ser evitada, pois elas agarram nos fios elétricos, desligando o sistema e provocando choques;

·         Utilizar papel alumínio na confecção da pipa é perigoso, pois este material, em contato com os fios, provoca curtos-circuitos.

·         Caso a pipa enrosque nos fios, é melhor desistir do brinquedo. Subir em telhados ou postes para recuperá-las representa risco de choque, assim como tentar removê-las com canos ou bambus.

·         Não é indicado soltar pipas na chuva. Ela funciona como pára-raio, conduzindo energia;

·         Não é indicado subir nas lajes das casas para empinar pipa, qualquer distração pode causar uma queda;

·         Linhas metálicas não devem ser usadas no lugar da linha comum, pois podem provocar choques elétricos;

·         É necessário ter cuidado com ciclistas e motociclistas. Acidentes acontecem porque as linhas não podem ser vistas;

·         O uso do cerol ou da linha chilena é proibido por lei e pode matar.

 

Dentro de casa

·         Não deixar a fiação ao alcance das crianças.

·         Não utilizar extensões para alimentação de vários aparelhos.

·         Não mexer no chuveiro ligado.

·         Usar protetoras nas tomadas, evitando que objetos sejam introduzidos nas mesmas por crianças.

·         Redobrar a atenção no uso de equipamentos elétricos em ambientes úmidos ou molhados. Preferencialmente utilize botas e luvas isolantes.

 

Manutenção predial

·         Ao manusear barras de ferro, perfilados de alumínio, calhas pré moldadas e outros matérias, certifique se constantemente para que as pontas não se aproximem das redes elétricas.

·         Na construção ou manutenção predial próxima a rede elétrica, manter distância segura ao manobrar equipamentos, ferramentas e outros materiais.

·         Certificar-se de que as instalações não estão danificadas, com “gambiarras” e adequadas à carga elétrica.

·         Em local molhado, certifique se o equipamento é adequado para esta condição e atenção especial para os cabos de ligação.

 

Segurança na construção

·         Não se arrisque, pois somente profissionais capacitados ou qualificados devem executar serviços em instalações elétricas.

·         Desligar sempre aparelhos elétricos antes de limpar ou fazer pequenos reparos.

·         Andaimes precisam estar montados de acordo com as normas de segurança para evitar contato com as redes elétricas.

 

Durante as tempestades com descargas atmosféricas (raios)

·         Evite tocar os aparelhos eletrodomésticos e retire os aparelhos eletrônicos das tomadas.

·         Afaste-se de janelas e portas metálicas,

·         Evite os banhos nos momentos de tempestades.

·         Nunca se abrigue debaixo de árvores. Sempre procure uma casa de alvenaria ou o interior de um veículo.

·         Se a tempestade lhe pegou de surpresa e não há abrigo por perto, o melhor é agachar, colocar a cabeça entre as pernas e abraçar os joelhos. Fique apenas com os pés, juntos, em contato com o chão.

·         Em zonas rurais, as cercas longas devem ser seccionadas e aterradas (de 100 em 100 metros, por exemplo) para se evitar criar um caminho contínuo para os raios, que pode levar destruição ao longo dessa cerca.

 

Dicas gerais

 

Cabos Soltos

Sempre que for identificado algum cabo de energia elétrica rompido, ou caído no chão, seja acionado o serviço emergencial da empresa, pelo telefone 0800 010 10 10 (ligação gratuita), pelo e-mail  paulista@cpfl.com.br ou pelo site: www.cpfl.com.br.

 

Fusível

Quando um fusível derreter ou fundir, nunca o substitua por moedas, arames, fios de cobre, de alumínio ou qualquer outro objeto. Desligue imediatamente a chave e procure saber qual a causa do incidente. Troque sempre o fusível danificado por um novo, de igual amperagem e, se possível, troque por disjuntores, que oferecem maior segurança.

 

Benjamim ou tomada tipo T

Todo cuidado é pouco. Vários aparelhos elétricos no benjamim sobrecarregam a tomada, provocando um superaquecimento dos fios que podem causar um curto-circuito.

 

Água ou umidade

Nunca use aparelhos elétricos em locais com água ou umidade, nem com as mãos ou os pés molhados. O choque é inevitável.

 

Trocar lâmpada

Ao trocar uma lâmpada, desligue a energia elétrica e nunca toque na parte interna do bocal (soquete). Segure somente pelo vidro.

 

TV e aparelhos eletrodomésticos

Não mexa no interior dos televisores, mesmo desligados. A carga elétrica pode estar acumulada e provocar choques perigosos. Jamais use garfo, faca ou objetos metálicos em aparelhos ligados e só limpe esses equipamentos depois de se certificar de que eles estão fora da tomada. Desligue sempre a chave geral ao fazer qualquer reparo na instalação. Equipamentos eletrônicos sensíveis, como microcomputadores, precisam de proteção especial (estabilizadores de voltagem, protetores contra descargas elétricas, entre outros).

 

Chuveiro

Nunca mude a chave (verão/inverno - fria/morna/quente) do seu chuveiro se ele estiver ligado. Se você tomar choque ao ligar torneiras e chuveiros elétricos, isso indica que existe um problema de aterramento (fio de terra) na instalação.

 
 
veja também
Confira:
Encontro Poético
Com que bota eu vou?
MEGA-SENA sorteia 3 milhões hoje
COMENTÁRIOS
 
últimas

ESPORTES
Basquete
Ciclismo
Futebol
Rugby
Jogos Regionais
Natação
Corrida
Futsal
Judô
Jogos Regionais
Hóquei
SAÚDE E BEM-ESTAR
SUS
Oftalmologia
Idoso
Greve
Geral
POLÍCIA
Acidentes
Crimes
Corpo de Bombeiros
POLÍTICA
Câmara
Regional
Nacional
Catanduva
CIDADES
Novo Horizonte
Santa Adélia
São José do Rio Preto
Itajobi
Pindorama
Cedral
Outras
Catanduva
Bebedouro
Interior
EDUCAÇÃO
Catanduva
Regional
Nacional
NOTÍCIAS
Economia
Entretenimento
Cultura
Turismo
Emprego / Concursos
Entrevista
Agricultura
Geral
Comércio
Datas Comemorativas
 

Rua 21 de Abril, 466 | Sala 72 | Telefone (17) 3522-6297 | Catanduva | SP | redacao@noticiadamanha.com.br

Notícia da Manhã - Copyright ® 2014, Maquinaweb Soluções em TI - Todos os direitos reservados. All rights reserved.